Os Visitantes


Os Visitantes, que estreou no Rio de Janeiro, com direção minha, é um espetáculo que narra o cotidiano de um casal que preenche seu tempo com visitas, até o dia em que ninguém mais chega e eles terão que se enfrentar sem intermediações.

O texto nos provoca a perceber como queremos exercer nossos afetos. Para isso, a autora, Priscila Gontijo, se vale de uma boa dose de ceticismo ao mergulhar nas ciladas que um casamento pode oferecer. E disso resulta o humor do espetáculo. Mas também não é só isso: dos embates entre esse homem e essa mulher resultam alguns momentos intensos e poéticos.

É impossível não se identificar com esse duelo entre o desejo de se entregar e o medo que isso traz. E hoje, com tantas transformações no nosso modo de vida, os modelos que temos para o casamento, vindos de outras gerações, não se aplicam mais à nossa realidade. O espetáculo, interpretado por Tracy Segal e Alcemar Vieira, fala um pouco sobre isso também.

Essa primeira temporada faz parte de um projeto maior de ocupação do Teatro Glaucio Gill, em Copacabana, chamado Cambio capitaneado pelo ator Cesar Augusto e pelo produtor Jonas Klabin, com apoio da grife Blue Man, que ajudou a reformar o teatro e fez seu desfile lá no último Fashion Rio – com direito a show de Ney Matogrosso.